quinta-feira, 17 de maio de 2018

Adoração - Myrtes Matias



Voltar no tempo e no espaço, 
viver na Galiléia, 
rever, cena por cena, a vida de um Deus. 
  
Acompanhar a estrela 
para presenciar o estranho Milagre 
de Deus aprisionando Sua onipotência 
num corpo de Criança. 
  
Acompanhar este “Senhor de quanto existe” 
fugindo para a terra da servidão. 
  
Vê-lO, bem mais tarde, 
levantar do vício e do crime 
o publicano e a meretriz. 
  
Ouvir a voz suave: 
“Vinde e aprendei de Mim, 
que sou manso e humilde...” 
Manso e humilde... 
Tão humilde que se ajoelha no Getsêmane 
para chorar a degradação da própria imagem. 
Tão manso que caminha para o Gólgota, 
sob a cruz, sem uma queixa. 
  
Emudecer de espanto ao ver este Deus-sem-lugar 
ser suspenso entre o céu e a terra, 
que não teve um berço para nascer, 
“uma pedra para reclinar a cabeça”, 
maldito sobre uma cruz. 
  
Ouvir este Deus, 
coberto de dor e vergonha, 
prometer o paraíso e oferecer perdão. 
Perdão... 
  
Seu evangelho, Seu ensino, 
Sua última palavra 
até que o “Tudo está consumado” 
alcançasse o céu 
e as trevas cobrissem a terra. 
  
Caminhar até o sepulcro 
e encontrá-lo vazio. 
Deixar Jerusalém e subir ao monte 
para ver abrirem-se os céus e 
cair de joelhos. 
Porque todos os joelhos se curvam, 
todos os lábios se calam, 
para ouvir em prece: 
“Este JESUS há de voltar um dia...” 
  
Myrtes Matias  

Levantai os olhos - Myrtes Martias




Lá fora, além das paredes que te cercam 
e protegem, longe do calor que te aquece 
o corpo e o coração, está a grande vinha do Senhor; 
crianças que perderam os pais, 
mil mulheres que vendem o corpo, 
milhões de jovens que procuram uma razão de ser; 
povo, que é teu povo, caminhando 
irremediavelmente para o abismo... 
Pára. Olha. Pensa. E ouve teu desafio 
na própria voz do Mestre: 
“Levantai os olhos e vede... 
Vai hoje trabalhar na vinha...” 
Ainda é tempo de obedecer, 
alcançar a vinha aqui, ali, além; 
sustentando aqueles que vão, 
onde estiver um deles pregando a salvação, 
tu estarás, também. 
  
Myrtes Matias

Tenha orgulho de seu nome

Você sabia que o seu nome é importante para a formação do seu caráter? O seu nome representa o que você é e como é identificado.
Deus te conhece pelo nome, mesmo que você não goste dele.
Todo aquele que é conhecido apenas por um apelido será reconhecido mais à frente somente como uma lenda, mas aquele que é conhecido hoje fortemente
por seu nome será reconhecido futuramente por aquilo que é e representa durante toda a sua história!
É fato que Deus mudou o nome de algumas pessoas na Bíblia, mas todos eram queridos e tinham uma história para ser mudada. O que quero dizer é que Deus não mudou o nome deles por caso, mas havia um grande propósito.. tanto na mudança de caráter como em suas atitudes diante Deus!
Mas e você? Como tem sido conhecido, chamado ou apelidado?
Será que o seu nome tem tido uma boa influência em sua vida?

REFLITA SOBRE ISSO .. SEJA VOCÊ MESMA(O).
(André Iuji)